Study your flashcards anywhere!

Download the official Cram app for free >

  • Shuffle
    Toggle On
    Toggle Off
  • Alphabetize
    Toggle On
    Toggle Off
  • Front First
    Toggle On
    Toggle Off
  • Both Sides
    Toggle On
    Toggle Off
  • Read
    Toggle On
    Toggle Off
Reading...
Front

How to study your flashcards.

Right/Left arrow keys: Navigate between flashcards.right arrow keyleft arrow key

Up/Down arrow keys: Flip the card between the front and back.down keyup key

H key: Show hint (3rd side).h key

A key: Read text to speech.a key

image

Play button

image

Play button

image

Progress

1/8

Click to flip

8 Cards in this Set

  • Front
  • Back
Definição
Eventos tromobembólicos arteriais ou venosos, abortamentos de repetição e presença de anticorpos:
-anticardiolipina
-anticoagulante lúpico
-VDRL falso positivo
Formas clínicas
1)Primária - ocorre de forma isolada, sem predominância de sexo

2)Secundária - associação com LES ou outra DAI. Mais frequente no sexo feminino
Manifestações clínicas
Faz diagnóstico diferencial com tromboses arteriais ou venosas, principalmente em jovens.
Mais comuns:
- TVP
- AVC isquêmico

-endocardite de Libman Sacks
-abortamento espontâneo recorrente
-trombocitopenia, leve a moderada. Mecanismo igual ao da PTI
- livedo reticularis
Síndrome do anticorpo anti-fosfolipídio catastrófica é:
Doença se apresenta de forma aguda e múltiplas tromboses arteriais e venosas e em vasos de pequeno e grande calibre em diversos órgãos (pelo menos 3).
Mortalidade alta.
Diagnóstico
a) Critérios clínicos:
-Trombose vascular:1 ou mais episódios de trombose
-Morbidade gestacional

b)Critérios laboratoriais:
- anticardiolipina IgG ou IgM em títulos moderados ou altos em 2 ou mais ocasiões com intervalo mínimo de 6 semanas.
- anticoagulante lúpico no plasma
Anticorpos da SAF
1) Anticoagulante lúpico: alargamento do PTTa não corrige com a adição de plasma

2) Teste do anticorpo anticardiolipina

3)VDRL falso-positivo:VDRL positivo em títulos baixos com testes específicos negativos.
Tratamento
-Anticoagulação prolongada
- warfarin para manter RNI entre 2 e 3 (trombose venosa) e 3 e 3,5(arterial).
- AAS
- eventos agudos: heparinização plena
Profilaxia do abortamento
AAS baixa dose (80mg/dia)
heparina não fracionada (10000U SC a cada 12h)