Study your flashcards anywhere!

Download the official Cram app for free >

  • Shuffle
    Toggle On
    Toggle Off
  • Alphabetize
    Toggle On
    Toggle Off
  • Front First
    Toggle On
    Toggle Off
  • Both Sides
    Toggle On
    Toggle Off
  • Read
    Toggle On
    Toggle Off
Reading...
Front

How to study your flashcards.

Right/Left arrow keys: Navigate between flashcards.right arrow keyleft arrow key

Up/Down arrow keys: Flip the card between the front and back.down keyup key

H key: Show hint (3rd side).h key

A key: Read text to speech.a key

image

Play button

image

Play button

image

Progress

1/17

Click to flip

17 Cards in this Set

  • Front
  • Back
  • 3rd side (hint)

Tipos de DRGE

Erosiva e não erosiva

Mecanismos de defesa contra o refluxo ácido

Mucosa resistente


Secreção de bicarbonato


Peristaltismo


Salivação

Principal etiopatogenia

Relaxamento transitório do esfíncter esofagiano inferior

Outras etiopatogenias são:


Hipotonia do EEI


Depuração do conteúdo ácido ineficiente


Dismotilidade esofagiano


Hipersensibilidade do esôfago


Hérnia hiatal


Aumento da pressão intracraniana abdominal

Qual a relação da Helicobacter pylori com a DRGE

A helicobacter pylori é um fator de proteção visto que reduz a acidez gástrica

Manifestações típicas

Pirose e regurgitação

Manifestações atipicas

Esofágicas:


Dor retroesternal


Globus faríngeo



Extraesofagicas:


Orais: desgaste do esmalte dentário, aftas e halitose


Otorrinolaringológico: rouquidão sinusite, laringite


Pulmonares: tosse, asma e pneumonia

Sinais de alarme

Disfagia, odinofagia, perda de peso, sangramento TGI, anemia crônica, náuseas e vômitos, >40a, HF de neoplasia do TGI superior.

Diagnóstico

Pirose e regurgitação por mais de 2x/semana por um período de 4 a 8 semanas. Somado ao tratamento empírico por 8 semanas

Indicação de EDA

Presença de sinais de alarme ou DRGE refratária

Indicações para biopsia

Suspeita de esôfago de Barret, adenocarcinoma, úlceras, estenose péptica e esofagite eosinofílica

Complicações

Úlceras, hemorragia, estenose péptica, EB e adenocarcinoma

Esôfago de Barrett

Substituição do epitélio escamoso estratificado do esôfago por epitélio colunar.

Qual exame inicial e qual o exame que melhor investiga DRGE, respectivamente

EDA e pHmetria

Tratamento não farmacológico

Elevação da cabeceira da cama


Perda de peso


Evitar alimentação copiosa


Evitar deitar por 2 a 3 horas após alimentação


Evitar alimentos como ☕, 🍫, pimenta


Teste terapêutico / tratamento

Esomeprazol 40mg 1x ao dia por 8 semanas


Omeprazol 20mg " "

Tratamento cirúrgico e sua indicação

Fundoplicatura à Nissen



Pacientes com HH > 2 com migração permanente e que requerem altas doses de bebê para controle clínico

Manejo de paciente com sintomas leves e intermitentes de DRGE

Opções:



Terapia não farmacológica



Baixa dose de antagonista H2: Ranitidina 150mg 2x/dia pela manhã em jejum e antes do jantar



Antiácidos